Mais do que moda, estabelecimentos pet friendly são uma necessidade nos dias atuais. Considerando o fato de que muitas pessoas possuem animais de estimação, alguns condomínios, além dos ambientes de convivência tradicionais – como brinquedoteca, academia, área de jogos e quadras de esportes – estão investindo também nos espaços pet.

Dedicados especialmente para os bichinhos e seus donos, estes locais são utilizados para a convivência entre os animais. Em alguns empreendimentos, também há profissionais ou empresas especializadas que executam serviços encontrados em pet shop, como banho, tosa e consultas veterinárias.

Segundo o diretor da LCD Condomínios, Marcelo Décimo, o espaço pet se torna, ainda, uma alternativa para integrar os condôminos que, por sua vez, acabam convivendo, se conhecendo melhor e trocando experiências sobre o amor que têm em comum: seus pets. “Muitas vezes, a rotina das pessoas é corrida e os vizinhos não têm nem tempo de se conhecerem. No entanto, aqueles que possuem pets, acabam se encontrando no condomínio, o que é facilitado pelos espaços pet friendly”.

Décimo destaca ainda, a facilidade de poderem contar com serviços exclusivos no local. “Ao invés de terem que se deslocar até uma pet shop, encarar trânsito e agenda de horários, os profissionais vão até eles. Para quem valoriza o tempo, é uma excelente alternativa”.

Outro fator positivo é o bem-estar dos animais que, ficando no condomínio, evitam longas distâncias de carro e não ficam estressados. Se nessa mesma área onde os bichinhos costumam se reunir para correr e brincar houver banho e tosa, por exemplo, eles ficarão mais tranquilos e sem medo quando forem utilizar os serviços.

A partir da organização dos condôminos, e com o aval do síndico, é possível também realizar no local palestras sobre temas de interesse ou cursos rápidos sobre os cuidados com os animais, além de promover dicas de adestramento que podem ser compartilhadas entre os donos.

Dependendo das condições financeiras do empreendimento e do tamanho disponibilizado para o “bichódromo”, ele também pode ter um playground, com brinquedos que estimulam as atividades, e pista de obstáculo.

Ter um espaço pet traz muitas vantagens para os condôminos que possuírem animais de estimação. Se o seu condomínio ainda não possui, converse com o síndico sobre a possibilidade de instalação de um. A conversa é sempre a melhor alternativa para quem quer viver em harmonia, dividindo espaços de convivência!

Fonte: Marcelo Décimo

Diretor da LCD Condomínios